25/03/2020 | Subprocurador Geral do Contencioso Tributário Fiscal, por meio da Portaria SubG – CTF-2, de 19 de março de 2020, determina suspensão por até 90 dias todos os novos protestos de certidões de dívida ativa. 

Confira o documento oficial abaixo